quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Atualização do Tio20 RPG

Olá pessoas!
Como eu havia prometido na postagem passada, finalmente é chegada a hora de falar da atualização que fiz no meu sistema: o Tio20 RPG. Para quem está caindo aqui de paraquedas e não sabe do que estou falando, o Tio20 RPG é um sistema que venho desenvolvendo desde 2014. Sua primeira versão tinha como base uma mistura de Numenera com D&D, com toques de outros RPGs como FATE e Savage Worlds, tendo como premissa permitir a narrativa de fantasias. Para testá-lo, na época, cheguei a narrar duas campanhas em paralelo. Entretanto, após várias mudanças ao longo dos jogos e eu tentar narrar uma campanha de cyberpunk usando-o, percebi que o sistema não estava exatamente como eu queria. Seu foco não estava claro e precisava ser alterado. Foi aí que a grande mudança aconteceu.

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Megaman X e a narrativa por missões

Olá pessoas!
Na postagem passada eu havia prometido retornar para dar detalhes sobre como está ficando o meu sistema, o Tio20 RPG. Entretanto, hoje falarei um pouco sobre como foi a minha campanha de Megaman (que usou o Tio20), e algumas coisas que aprendi com ela. Mas antes, contarei uma breve história para introduzir esta postagem. Quem me conhece sabe que adoro criar adaptações, chegando a ser algo quase compulsivo. Já adaptei One Piece, Ivalice para dois sistemas, Mago a Ascenção para outras propostas e só Atena sabe quantas vezes adaptei Naruto para alguma coisa (isso para não falar dos projetos engavetados e jamais liberados). Mas tem um cenário em questão que eu SEMPRE quis narrar: Megaman X.

sábado, 7 de janeiro de 2017

Minha experiência criando um sistema

Olá pessoas!
Feliz 2017! Mais um ano se inicia, e mais um ano para este blog perseverar a este autor preguiçoso. Pois é gente, o tempo passa e... Já faz o que? Seis meses sem narrar um RPG que seja? E tanta coisa aconteceu no mundo RPGístico nestes dois anos que andei sumido. Tivemos alguns ótimos financiamentos coletivos, como o Interface Zero, Numenera, 13ª Era e Shadow of Demon Lord. Uma nova edição do D&D! E eu lendo mangá e light novel como se não houvesse amanhã. Ao menos um dos meus hobbys foram satisfeitos. Mas chega de falar aleatoriedades. Hoje eu venho abrir as atividades do ano meu blog falando do meu sistema favorito e minha criação: o Tio20 RPG.

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

OVA – The Anime Role-Playing Game

Olá pessoas!
Quanto tempo, hein? Para ser sincero ando jogando pouco ultimamente, o que vem me afastando do hobby e me dando pouco assunto para pôr em pauta. Até o meio do ano estava narrando um jogo de Megaman X para o meu sistema em desenvolvimento, o Tio20 RPG, o qual parei para me dedicar a outros hobbys, como animes, mangás e light novels. Porém, hoje vim trazer-lhes uma nova resenha sobre um sistema praticamente desconhecido aqui no país, mas que é muito interessante para aqueles fãs das mídias japonesas assim como eu. Estou falando do OVA.

sábado, 30 de julho de 2016

Light Novels e Animes

Olá pessoas!
Quanto tempo, hein? Pois é, a pessoa resolver casar e dá nisso. O tempo para jogar desaparece, os amigos também não podem mais jogar tanto quanto antes. Tempo para escrever então! Esse aí quase não existe. Mais deixemos minha vida de lado. Hoje infelizmente não falarei de RPG, mas sim de algo que venho consumindo ativamente nos últimos dois anos: Light Novels.

quarta-feira, 8 de julho de 2015

Ryuutama

Olá pessoas!
Ano passado eu quase traduzi para vocês o maravilhoso RPG japonês que é Golden Sky Stories do tanto que falei sobre suas mecânicas e proposta de jogo único. Hoje trarei aos senhores o que eu pude absorver da leitura de outro RPG japonês e que finalmente foi lançado através do Kickstart pelo Kotodama, o mesmo pessoal que trouxe o já mais conhecido Tenra Bansho Zero (o BURP falou muito bem dele aqui). Estou falando de Ryuutama, um RPG de fantasia natural único e que merece a atenção e leitura de todos.

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Resenha: Trilogia Samurai X

Olá pessoas!
Eita! Quanto tempo, hein Tio? Pois é, vida corrida. Casamento (sim, o meu!). Nesses tantos meses que fiquei sumido não narrei jogo algum, mas joguei alguns jogos interessantes e assisti muita coisa, o que será contado em outras postagens. Hoje eu pretendo falar um pouco sobre a trilogia que recém terminei de assistir. Estou falando dos filmes live-action baseados no famigerado anime Rurouni Kenshin, ou mais conhecido no Brasil como Samurai X.

sábado, 15 de novembro de 2014

A cena no ritmo da música

Olá pessoas!
Há quem prefira apenas ficar na preguiça e não usar. Outros até gostariam, mas não sabem como. Eu pessoalmente já usei algumas vezes, e em quase todas elas deu super certo. O que não funciona muito bem é só quando eu tento determinar o tema de uma personagem de jogador, pois assim como o gosto, a música varia com cada indivíduo. Uns podem leva-la muito a sério, outros podem apenas querer zoar, mas no fim ela sempre tem a mesma finalidade: dar o clima certo!

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Anime: Sword Art Online

Olá pessoas!
Durante um longo tempo você aguarda ansioso por aquele jogo que fez sua cabeça explodir só de ver os traillers. Ele parece foda, você paga uma grana alta e finalmente o tem em mãos. Quando começa a jogar, você fica ainda mais estupefato, pois ele supera todas as suas expectativas. Ai, após gastar aquelas quatro horas sagradas do seu final de semana e vai deslogar, você percebe que não há botão de logoff. Isso não seria um problema tão grave, ao menos que, é claro, isso ocorra quando você está jogando numa realidade virtual onde sua mente contra o jogo. E o pior: você logo descobre que morrer neste jogo significa morrer na realidade. Game Over!