sexta-feira, 17 de março de 2017

O bom, o velho e o novo D&D

Olá pessoas!
Hoje o assunto será polêmico (ou não). É natural, quando estamos lidando com algo que é mundialmente conhecido, que o assunto atraia a atenção de pessoas que defendem aquilo que gostam com unhas e dentes, muitas vezes ignorando o conteúdo apresentado. Este é um hábito mais comum do que você possa imaginar no nosso hobby, e isso para não falar da famosa guerra de edições onde, anos após ano, pessoas gastam energia e saliva (e muitas vezes as pontas dos dedos) discutindo qual é a melhor edição do seu RPG favorito. Então, caro leitor, caso você se encaixe numa das categorias acima apresentadas (e descobriremos isso como possíveis comentários inflamados), eu abro dizendo as seguintes palavras: eu não curto D&D.

sábado, 11 de março de 2017

Resenha: Logan

Olá pessoas!
Mais um dia, mais uma postagem. Para este ano de 2017 eu ando bem seletivo com o que vou assistir no cinema. O motivo: filmes demais. Sim, tem tanto filme interessante neste ano que não dá para sair gastando grana a torto e a direito. A população nerd mundial deve estar em êxtase com tamanha fartura cinematográfica (pelo menos eu estou). A coisa está de um jeito que até estou evitando assistir trailers, porque nos últimos anos eles me criaram muita expectativa errada (ah Vingadores 2... Capitão América 3... Batman vs Superman). E foi isso que eu fiz com Logan.

sexta-feira, 3 de março de 2017

Inspire-se: Sobrevivência 2

Olá pessoas!
É chegado 2017 e quantos séculos faz que falei de games por aqui? Alguns anos, na verdade. A fim de reviver um pouco o tema para vocês e trazer uma postagem mais interativa e inspiradora para nossos jogos de cada dia, hoje vos trago alguns trailers de jogos que espero ser grandes lançamentos para este ano (já lançados, inclusive). E o tema de hoje é sobrevivência, algo que já falei aqui na série "Inspire-se".

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

RWBY e Monty Oum

Olá pessoas!
Tudo começou muitos anos atrás quando eu estava procurando por vídeos legais no Youtube, logo após finalmente ter uma internet banda larga em casa. Eis que, procurando aleatoriamente vídeos sobre Final Fantasy, sou apresentado a uma animação que explodiu a minha cabeça. Estou falando de Dead Fantasy, criado pelo genial Monty Oum. Caso você ainda não conheça, Dead Fantasy é uma série de animações que reúne personagens femininas das franquias Dead or Alive e Final Fantasy em lutas épicas inspiradas em Animes e filmes como Matrix. Se você é fã de cenas de ação épicas e não tem preconceito com fanservice, pare de ler agora e vá assistir todos os seis vídeos publicados!

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Adaptando para RPG

Olá pessoas!
Para quem ainda não sabe, eu venho postando quinzenalmente no Mundos Colidem, um blog sobre RPG que fala sobre tudo, de adaptações e resenhas até materiais para iniciantes. Esta semana eu postei lá um texto sobre adaptações, o qual trago para o blog hoje. Ele surgiu da ideia de atualizar uma antiga postagem de mesmo nome aqui do blog onde falei de vários sistemas que podem ser usados para adaptações e que estavam em destaque na época. Hoje temos muitos sistemas novos no país, sendo muito justo atualizar as sugestões deles e expandir as explicações que dei na época sob a ótica das minhas recentes experiências. Espero que aproveitem.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Agilidade e Defesa no Savage Worlds

Olá pessoas!
Semana passada eu estreei uma coluna no blog Mundos Colidem. Para quem não conhece, o Mundos Colidem é uma iniciativa de rpgistas que se reuniram para postar regularmente matérias sobre os mais diversos assuntos do nosso hobby, e estarei lá postado quinzenalmente às quartas-feiras (dia 15 de fevereiro é a próxima, anota ai!). Pois é, agora eu tenho dois lugares na internet para falar de RPG, e espero que vocês não deixem de conferir e apreciar. Mas voltando aos trabalhos. Resolvi dedicar o mês de janeiro para falar sobre as minhas experiências testando o Tio20 RPG. Porém, hoje resolvi trazer para vocês uma ideia que tive algum tempo atrás sobre o Savage Worlds (SW).

domingo, 29 de janeiro de 2017

Mudando o sistema que você criou

Olá pessoas!
Meu foco neste primeiro mês de 2017 tem sido falar sobre o Tio20 RPG e seu processo de criação. Já falei muita coisa sobre ele por aqui, desde os motivos para a sua concepção, as experiências que tive e as decisões que tomei até chegar no produto que é o segundo playtest postado aqui (inclusive, o primeiro playtest continua disponível para consultas e referências. Imagino que suas escolhas de regras agradem mais algumas pessoas que as atuais que venho seguindo). Porém, na última semana me deparei com alguns problemas que me incomodaram no sistema, o que me levou a uma dúvida: eu deveria mudá-lo?

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Atualização do Tio20 RPG

Olá pessoas!
Como eu havia prometido na postagem passada, finalmente é chegada a hora de falar da atualização que fiz no meu sistema: o Tio20 RPG. Para quem está caindo aqui de paraquedas e não sabe do que estou falando, o Tio20 RPG é um sistema que venho desenvolvendo desde 2014. Sua primeira versão tinha como base uma mistura de Numenera com D&D, com toques de outros RPGs como FATE e Savage Worlds, tendo como premissa permitir a narrativa de fantasias. Para testá-lo, na época, cheguei a narrar duas campanhas em paralelo. Entretanto, após várias mudanças ao longo dos jogos e eu tentar narrar uma campanha de cyberpunk usando-o, percebi que o sistema não estava exatamente como eu queria. Seu foco não estava claro e precisava ser alterado. Foi aí que a grande mudança aconteceu.

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Megaman X e a narrativa por missões

Olá pessoas!
Na postagem passada eu havia prometido retornar para dar detalhes sobre como está ficando o meu sistema, o Tio20 RPG. Entretanto, hoje falarei um pouco sobre como foi a minha campanha de Megaman (que usou o Tio20), e algumas coisas que aprendi com ela. Mas antes, contarei uma breve história para introduzir esta postagem. Quem me conhece sabe que adoro criar adaptações, chegando a ser algo quase compulsivo. Já adaptei One Piece, Ivalice para dois sistemas, Mago a Ascenção para outras propostas e só Atena sabe quantas vezes adaptei Naruto para alguma coisa (isso para não falar dos projetos engavetados e jamais liberados). Mas tem um cenário em questão que eu SEMPRE quis narrar: Megaman X.